PESQUISAR

Blog de Notícias

4 minutos para leitura (879 palavras)

CONHEÇA AS PRINCIPAIS VIATURAS UTILIZADAS NO CBMSC

Viaturas operacionais (vtr's) são veículos utilizados na atividade fim do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), quais sejam: missões de combate a incêndio, busca terrestre, salvamento aquático, salvamento aéreo e atendimentos pré-hospitalares. 

Diferente de outras instituições que utilizam apenas veículos comuns, o CBMSC possui viaturas que precisam de transformações para acréscimo de engenhos e sistemas que os tornam especiais, necessitando de treinamento para perfeita operação.

Atualmente o CBMSC conta com viaturas operacionais, as quais necessitam de procedimentos para que possam ser utilizadas, e com viaturas administrativas. Neste segundo caso, são veículos comuns que não necessitam de treinamento específico para manejo, visto que o condutor deve apenas estar habilitado para a condução de acordo com o código de trânsito brasileiro e com as normas do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN).

A seguir, apresentamos algumas das viaturas utilizadas no CBMSC:


Auto Socorro de Urgência - ASU


Viatura operacional destinada ao atendimento de vítimas de acidentes que requerem atendimento emergencial na fase pré-hospitalar. É dotada de equipamentos que permitem à equipe de plantão prestar os socorros de suporte básico da vida, de forma a estabilizar, imobilizar e transportar adequadamente a vítima ao centro médico mais apropriado para a situação. É um veículo de médio porte, tipo furgão, adaptado para atendimento pré-hospitalar.

Os condutores enquadram-se na categoria C e D, dependendo do veículo.



Auto Bomba Tanque Resgate - ABTR


O famoso "caminhão de bombeiros".

Viatura operacional provida de cabine simples alongada ou dupla e carroceria de característica própria, com no mínimo 250 cavalo-vapor (cv) de potência. Dotada de bomba de incêndio acionada pelo motor, compartimentos para transporte de equipamentos e reservatório d'água, tanque externo, com capacidade de 4.000 a 5.000 litros.

É empregada nas mais diversas ocorrências como combate a incêndios, atendimentos em acidentes de trânsito (resgate veicular), salvamento em altura, resgates em ambiente confinado, corte de árvores e demais atividades de buscas e resgates.

É o veículo mais característico de bombeiros. Equipado com mangueiras, esguichos e diversos equipamentos hidráulicos além de materiais de "sapa" (conjunto de ferramentas usadas em escavações ou remoções (pá, enxada, gadanho) e arrombamento.

Os condutores enquadram-se na categoria C ou D, dependendo do veículo.



Auto Tanque - AT


Viatura operacional, tipo carreta ou caminhão pipa, provido de cabine simples ou estendida, com no mínimo 330 cavalo-vapor (cv) de potência. Utilizado para transporte de água e apoio às viaturas de combate a incêndio.

Dotada de bomba de incêndio acionada por motor e reservatório d'água, tanque externo, com capacidade de aproximadamente 20.000 litros. Pode ser acoplado à outra viatura de combate a incêndio, como o ABTR.

Os condutores enquadram-se na categoria E.



Auto Escada Mecânica - AEM


Viatura operacional provida de cabine simples e um feixe de escadas com alcance máximo de 55 metros, equivalente a 18 andares. É empregada em operações de salvamento em grandes alturas e no combate a incêndios.

Os condutores enquadram-se na categoria C e D, dependendo do veículo.



Auto Resgate - AR


Viatura operacional, tipo caminhonete, provida de cabine dupla, adaptada para resgates diversos. Dotado de tração 4X4, com no mínimo 2200 cilindradas. É utilizada para vários tipos de salvamentos. São adaptadas para transportar embarcações, equipes de plantão e equipamentos.

Os condutores enquadram-se na categoria B, C ou D, dependendo do veículo.



Helicópteros e Aviões - Arcanjos


Helicóptero: Aeronave de asa rotativa especializada em resgate em locais de difícil acesso. Possibilita rapidez no deslocamento, acessibilidade em cenários de desastres, fornecimento de atendimento de suporte avançado da vida, em parceria com o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), e condução de vítimas ao hospital de forma rápida.

Além do atendimento pré-hospitalar, a aeronave também atua em ocorrências envolvendo combate a incêndio, busca e salvamento e atividades de prevenção e de resgate em meio aquático.



Avião: Aeronave de asa fixa empregada no transporte e no traslado de pacientes e de órgãos para transplantes, em parceira com o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

O transporte aéreo representa importante meio de auxílio nos transportes inter-hospitalares/aeromédicos. Por meio dele é viável percorrer grandes distâncias em um espaço de tempo muito menor e, dessa forma, aumentar a eficiência nos atendimentos.



Auto Posto de Comando - APC


Viatura operacional tipo furgão, ônibus ou micro-ônibus, de característica própria. É projetada para ser um veículo versátil, empregada no transporte de pessoal do alto comando da corporação, para operações de socorro, força tarefa e ajuda humanitária. Possui em seu interior mesas, cadeiras, sistema de iluminação e computadores para comportar a gestão de ocorrências de grande vulto de maior duração.

Os condutores, enquadram-se na categoria D.



Créditos:
Texto: soldado Natália Alves Fernandes
Imagens: Divulgação CBMSC
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

Posts Relacionados

emergencia193
QUARTEL DO COMANDO-GERAL
Rua Almirante Lamego, 381, Centro, Florianópolis - SC | CEP: 88015-600

Desenvolvimento: DiTI-DLF | Gestão de Conteúdo: CCS | Tecnologia Open-Source
emergencia193