PESQUISAR

Notícias Operacionais 0

 

Na última semana, o Binômio Cinotécnico de Governador Celso Ramos, formado pelo Bombeiro Militar cabo Valdeley e pelo cão bombeiro Marley, conquistaram mais duas Certificações de Busca e Resgate a nível nacional em evento realizado no município de Três Barras, que contou com a participação de binômios de outros estados do país.

 

0209 Biguaçú

 

Foram 4 provas distintas em dois dias consecutivos que, após concluídas, possibilitaram o recebimento de mais dois certificados de capacitação pelo Binômio Cinotécnico Catarinense.

 

0209 Biguaçú 1

 

As certificações complementam as que o cabo Valdeley e o cão Marley já possuem e confirmam uma melhor preparação, com um bom nível de qualidade na capacidade técnica, para atuar na área de busca e resgate em prol de toda sociedade brasileira, principalmente no nosso território Catarinense.

 

Créditos:
Texto: 1º Tenente Markus Vinicius Silveira
Imagens: Divulgação CBMSC/Biguaçú
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

O Batalhão de Operações Aéreas realizou nesta quinta e sexta-feira, 26 e 27 de agosto, a 1ª etapa do processo seletivo para ingresso no Curso de Tripulante Operacional (CTOp). A capacitação ocorrerá entre os dias 04 de outubro de 2021 a 3 de dezembro de 2021.

 

0209 BOA

 

As seletivas ocorreram no Centro de Ensino Bombeiro Militar (CEBM) e na Escola de Aprendizes de Marinheiros da Marinha do Brasil (EAM), ambas as estruturas localizadas em Florianópolis. O processo foi dividido em Prova Teórica e Teste de Aptidão Física (TAF), cada uma valendo 50% da nota total da etapa.

 

0209 BOA 1

 

A prova teórica, a qual iniciou às 06:30h, contava com 50 questões de múltipla escolha, contendo assuntos relacionados à Salvamento Aquático, Regulamentos Brasileiros de Aviação Civil, Resgate Veicular, Salvamento em Altura e Atendimento Pré-Hospitalar. Por sua vez, o rigoroso TAF contou com provas de corrida (2.400m), barra fixa, abdominal remador, apnéia estática, apnéia dinâmica, 10 minutos de flutuação com fardamento, 500m de natação em piscina e entrada e saída de arrebentação no mar (500m).

 

0209 BOA 2

 

O Curso terá como finalidade habilitar 12 Praças para a realização da atividade de resgate, busca, salvamento, atendimento pré-hospitalar e combate a incêndios com o uso de aeronaves, oferecendo conhecimentos técnicos especializados para o desempenho de suas funções, com uma carga horária total de 340 horas/aula.

 

Créditos:
Texto: B5 do BOA
Imagens: Divulgação CBMSC/BOA
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

No dia 25, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), com sede em Palhoça, atendeu uma ocorrência de acidente de trânsito envolvendo um caminhão e um automóvel. A colisão foi lateral e ocorreu no condomínio empresarial Firenze, no Bairro Nova Palhoça.


Apesar de não haver vítimas presas nas ferragens, mas devido ao forte impacto, as portas do automóvel estavam trancadas e uma das vítimas teve que ser retirada por uma técnica de resgate veicular, conhecida com ângulo 0°. Os dois ocupantes do automóvel receberam o primeiro atendimento e foram conduzidos ao hospital mais próximo.

 

0109 Palhoça

 

Essa ocorrência chamou atenção devido ao trabalho integrado entre as forças de segurança, resultando num atendimento de alta qualidade a quem precisa.
Parabenizamos a todas as equipes envolvidas, Guarda de Trânsito de Palhoça, PMSC de Palhoça e SAMU de Palhoça e Santo Amaro da Imperatriz.


Créditos:

Texto: Cabo Jeferson da Silva
Imagens: Divulgação CBMSC/Palhoça
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

O 4º Batalhão de Bombeiros Militar, com sede em Criciúma, ganhou um reforço para as buscas de pessoas desaparecidas. A partir de agora o cão Bono, dupla do cabo Matheus Premoli, está certificado para atuação.

3008 Bono3


O binômio (dupla entre bombeiro militar e cão de busca), que atua no quartel de Araranguá passou pelas provas de certificação que ocorreram na última semana na Floresta Nacional de Três Barras. Eles foram aprovados na prova de Busca Rural nível A e também nas provas de buscas por restos mortais nos níveis V e A, ou seja, agora eles podem atuar tanto na busca por pessoas vivas desaparecidas, quanto por aquelas já em óbito.

"É muito emocionante e gratificante termos um cão de busca certificado aqui no sul do estado. Quem está de fora não sabe o quão trabalhoso é formar um cão, e nada disso seria possível sem ter o apoio dos meus amigos, que considero minha segunda família", conta o cabo Premoli sobre a preparação do Bono. 

3008 Bono2


“O intuito é que todos os batalhões de bombeiros militar tenham cães de busca ativos, para aumentar a atuação da cinotecnia pelo estado. As grandes ocorrências, como por exemplo Brumadinho ou Presidente Getúlio, destacam a agilidade que o trabalho com cães traz nessas situações, com respostas aos familiares das vítimas. Por isso, ter mais um cão de busca ativo em Santa Catarina é algo importante”, destaca o presidente da Coordenadoria de Busca, Resgate e Salvamento com Cães do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), tenente-coronel Walter Parizotto.

Com o Bono, agora o CBMSC tem 12 cães ativos no estado.

3008 bono


Relembre a chegada do Bono ao CBMSC.

Créditos:
Texto: Melina Cauduro - Jornalista do CBMSC
Imagens: Soldado Eduardo DE SOUZA
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

Na última semana, dias 26 e 27, a Coordenadoria de Busca, Resgate e Salvamento com Cães do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), realizou a Certificação Nacional de Cães de Busca e Resgate, na categoria Restos Mortais, ou seja, a busca por pessoas já sem vida.

3008 certificação 3

Foram 42 provas realizadas em dois dias, para 26 binômios (dupla entre bombeiro militar e cão de busca), na Floresta Nacional de Três Barras. Participaram 12 binômios de Santa Catarina, além de bombeiros militares e cães do Amapá, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná.

“Por conta da pandemia, muitas provas estavam paradas, e para a nossa atividade é extremamente importante que essas avaliações sejam feitas periodicamente, para que estes cães estejam ativos e operativos em todo o Brasil, já que a exigência para atuação é a prova de certificação”, explica o presidente da Coordenadoria de Busca, Resgate e Salvamento com Cães do CBMSC, tenente-coronel Walter Parizotto.

3008 certificação1

Binômios do CBMSC certificados nesta edição:

Níveis V e A:
Major Michels e Chewbacca - Canoinhas
Sargento Romão e Bravo - Blumenau
Cabo Fumagalli e Hunter - Curitibanos
Cabo De Souza e Zaara - Brusque
Cabo Premoli e Bono - Araranguá
Cabo Valdeley e Marley - São José
Soldado Josclei e Iron - Xanxerê
Soldado Rangel e Orion - Lages
Soldado Amorim e Moana - Itajaí

Nível V:
Soldado Pinheiro e Sol - Chapecó
Soldado Canever e Léia - Porto União

3008 certificação 2

 Além desta certificação, também ocorre a maior edição do curso de formação de bombeiros cinotécnicos.

Créditos:
Texto: Melina Cauduro - Jornalista do CBMSC
Imagens: Soldado Eduardo DE SOUZA 
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), com sede em Xanxerê conta com um forte efetivo de bombeiras, as quais têm se qualificado cada vez mais para conduzir operações. Neste mês, 3 delas conquistaram a categoria D para dirigirem caminhões e ambulâncias do CBMSC.

 

2508 Xanxerê 2

 

A soldado Priscila Muniz de Mello, efetiva da Organização Bombeiro Militar (OBM) de Xanxerê, a soldado Gabriela Steimbach e a soldado Caroline Cardoso, ambas efetivas da OBM de Faxinal dos Guedes, realizaram a mudança de categoria da CNH. Todas possuíam interesse na mudança de categoria pela necessidade de condutores em ocorrências, e assim que a oportunidade surgiu, não mediram esforços para alcançar esse objetivo.

 

 

2508 Xanxerê

 

 

“Em Faxinal dos Guedes, trabalhamos em equipes de plantão em que somos chefes de socorro e assumimos a responsabilidade do quartel e das ocorrências, por isso houve o interesse em adquirir essa habilidade para conduzir o caminhão (ABTR) e o ambulância (ASU), pois, apesar de termos alguns condutores bombeiros comunitários, nem sempre eles estão disponíveis em nossas guarnições” - Relata soldado Caroline em relação ao serviço na OBM de Faxinal dos Guedes.

 

2508 Xanxerê 1

 

“Em todo o estado nota-se a necessidade de efetivo militar apto a conduzir as viaturas. Na região do 14º BBM temos muitos bombeiros comunitários que voluntariam-se como condutores, mas, como explanou a soldado Caroline, nem sempre os mesmos estão disponíveis. Desta forma, sempre soubemos da importância de estarmos prontos e aptos, inclusive à condução de viaturas, para melhor atender a comunidade. Por isso, quando surgiu a oportunidade do curso de condutores, não pensamos duas vezes.” - soldado Priscila em depoimento.

Para se tornar um condutor de viaturas do tipo ABTR e ASU, o bombeiro militar ou comunitário precisa ter categoria da CNH adequada, possuir o curso de Condutor de Veículos de Emergência – CVE dentro da validade (5 anos), ser maior de 21 anos para veículos que exijam habilitação categoria C, D ou E, bem como ter sido designado por superior imediato para a função.

 

Créditos:
Texto: Soldado Caroline Aparecida Waltrick Cardoso
Imagens: Divulgação CBMSC/Xanxerê
Assessoriade Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centrode Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina



Na tarde de ontem, 24, iniciou-se o Curso de Capacitação de Tutores para Instrução de Manutenção (Produtos Perigosos), a fim de qualificar e nivelar conhecimentos para que bombeiros militares possam exercer a tutoria em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) no Ciclo de Instrução de Manutenção do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC).

 

2508 Capacitação

 

Dos participantes, 5 são lotados no 7º Batalhão, tenente Douglas, sargento Luciano, sargento Thiago Santos, cabo Paul e soldado Carlos. Esse curso irá capacitá-los para serem instrutores para a instrução de manutenção de Produtos Perigosos que terá início em 1º de setembro de forma EAD para os bombeiros militares.

Segundo o tenente-coronel Fabiano Bastos das Neves, Comandante do 7º Batalhão, a região tem muitas rotas de veículos que trafegam diariamente com produtos perigosos. “Diariamente convivemos com produtos perigosos em nosso trabalho e no conforto do lar, como o gás de cozinha. Por essa razão é rotineiro o atendimento de ocorrências desse tipo pelo CBMSC em Itajaí e região. Essa instrução é fundamental para manter e atualizar o conhecimento dos bombeiros, assim tornando mais eficiente o atendimento dessas emergências e promovendo maior segurança às equipes.” - afirmou.

 

Créditos:
Texto: Julia de Oliveira
Imagens: Divulgação CBMSC/Itajaí
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

Na segunda-feira, 23, uma mulher caiu de uma cachoeira dos arredores da cidade de Abelardo Luz. Após buscas iniciais, a vítima não foi localizada. Havia suspeita que tivesse retornado para casa.

 

2508 Abelardo Luz

 

Ontem, 24, os familiares buscaram os bombeiros relatando a falta da mulher, e a partir dessa informação foi desencadeada uma segunda busca. No período da tarde, o corpo foi localizado sobre pedras embaixo da cachoeira, local de difícil acesso.

 

2508 Abelardo Luz 1

 

A equipe de resgate precisou montar uma tirolesa (técnica de resgate de salvamento em altura) para retirar o corpo. Além das equipes de plantão do Corpo de Bombeiros de Abelardo Luz e Xanxerê, equipes da Polícia Militar, IGP e Polícia Civil estiveram presentes.

 

2508 Abelardo Luz 2

 

Créditos:
Texto: Cabo Leonardo Prudêncio
Imagens: 2º Tenente Miguel Moraes Gomes
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

Nesta quarta-feira,18, foi realizado na sede do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), em Palhoça, um treinamento de técnicas e táticas para ascensão em árvore (CTTCA).

 

2408 Palhoça

 

Na oportunidade, militares que se capacitaram recentemente repassaram conhecimentos específicos aos demais bombeiros militares e comunitários a respeito das técnicas utilizando escadas e talabartes para segurança da equipe.

 

2408 Palhoça 1

 

O ciclo de instruções é de suma importância para o complemento da formação dos bombeiros comunitários, bem como para o efetivo militar se manter atualizado acerca do protocolo adotado pela Corporação, proporcionando mais qualidade ao atendimento das ocorrências.

2408 Palhoça 2

 

2408 Palhoça 3

 

Créditos:
Texto: Cabo Jeferson da Silva
Imagens: Divulgação CBMSC/Palhoça
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

 

Na manhã do último sábado, 21, a guarnição do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, com sede em São José, foi acionada para um atendimento de parto emergencial no bairro Praia de Fora, município de Palhoça. Ao chegar no local da ocorrência a pequena Geovana já encontrava-se no colo da mãe.

 

2408 São José

 

A equipe de plantão realizou a limpeza das vias aéreas, avaliou a respiração da recém-nascida e a manteve aquecida junto da mãe. Posteriormente aos cuidados iniciais, realizou o clampeamento do cordão umbilical, o seu corte e o recolhimento da placenta.

Mãe e filha foram conduzidas à maternidade do Hospital Regional de São José para avaliação e cuidados médicos. Participaram do atendimento: soldado Nelson, soldado Josué e a bombeira comunitária Kelli.

 

Créditos:
Texto: 1º Tenente Luiz Gustavo Bonatelli
Imagens: Divulgação CBMSC/São José
Assessoria de Imprensa CBMSC: (48) 98843-4427
Centro de Comunicação Social
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

emergencia193
QUARTEL DO COMANDO-GERAL
Rua Almirante Lamego, 381, Centro, Florianópolis - SC | CEP: 88015-600

Desenvolvimento: DiTI-DLF | Gestão de Conteúdo: CCS | Tecnologia Open-Source
emergencia193